TÉCNICAS DE INSPEÇÃO


Acompanhamento de Soldagem e Montagem

A SB End do Brasil realiza acompanhamento de soldagem e montagem em geral de equipamentos e plantas industriais conforme normas e procedimentos.

Endoscopia

A Endoscopia é um processo de Inspeção Industrial que permite que possamos olhar e procurar por danos nas partes internas de equipamentos, motores, tubulações, etc sem a necessidade de desmontá-los. Isto proporciona uma economia enorme de tempo e dinheiro.

Dimensional

A Inspeção Dimensional atua diretamente na obra ou em fábrica executando o controle dimensional de equipamentos conforme projetos, na preparação , durante o processo de fabricação e após à finalização fazendo a medição e o controle da qualidade, baseado nos parâmetros estabelecidos nas normas de projetos e procedimentos existentes.

Ensaio Visual

Em geral, pode-se dizer que é um método para determinar a aceitabilidade dos componentes fabricados por usinagem, soldagem, montagem ou qualquer outro processo produtivo, que apresente como requisito um grau de qualidade, por menor que seja. A inspeção visual é o mais comum de todos os exames não destrutivos aplicados à soldagem. Pode ser utilizado como exame único ou parte de outros exames e testes não destrutivos para controle de qualidade.

Liquido Penetrante

O ensaio por líquido penetrante é um método desenvolvido para a detecção de descontinuidades essencialmente superficiais, abertas na superfície de materiais sólidos e não porosos.

Medição de Dureza em Campo - Portátil

O equipamento de teste de dureza (durômetro) é portátil e efetua medições de dureza por ricochete, na maioria dos metais em diversas escalas. Os métodos de teste de dureza móveis são usados ​​de muitas maneiras diferentes e com crescente interesse. Para os componentes não-transportáveis ​​ou equipamentos grandes, os durômetros estacionários são inadequados no laboratório.

Medição de espessura por Ultrassom

Consiste no mesmo método empregado no ensaio de ultrassom, porém esta técnica é utilizada somente para verificação de espessura de peças e materiais.

Partículas Magnéticas

O ensaio por partículas magnéticas consiste em submeter uma peça, ou parte dela, a um campo magnético. Na região magnetizada da peça, as descontinuidades existentes, ou seja, a falta de continuidade das propriedades magnéticas do material, irão causar um campo de fuga do fluxo magnético. A aplicação das partículas ferromagnéticas provoca a aglomeração destas nos campos de fuga, uma vez que serão por eles atraídas devido ao surgimento de pólo magnéticos. A aglomeração indicará o contorno do campo de fuga, fornecendo a visualização do formato e da extensão da descontinuidade. O ensaio por partículas magnéticas é utilizado na localização de descontinuidades superficiais e sub- superficiais em materiais ferromagnéticos. Pode ser aplicado tanto em peças acabadas quanto em semi-acabadas e durante as etapas de fabricação.

Ultrassom

Os sons produzidos em um ambiente qualquer refletem-se ou reverberam nas paredes que constituem o ambiente, podendo ainda ser transmitidos a outros ambientes. Este fenômeno constitui o fundamento do ensaio por ultrassom de materiais. O ensaio por ultrassom constitui uma ferramenta indispensável para garantia da qualidade de peças de grandes espessuras, com geometria complexa de juntas soldadas e chapas. É aplicado na indústria moderna, principalmente nas áreas de caldeiraria e estruturas marítimas. Na maioria dos casos, os ensaios são aplicados em aços carbono e em menor porcentagem nos aços inoxidáveis.